Voltar ao site

Carta à queridagem que apoia a pré-candidatura de Ivan Moraes a Vereador do Recife

Por Ivan Moraes, vereador do Recife ( PSOL)

· Cartas à Queridagem

É com o coração cheio de sonhos e com esperança em uma construção de cidade arretada que chegamos aqui para falar um pouco sobre como foram esses últimos quatro anos de mandato e todos os nossos desejos e planos para continuar ocupando uma cadeira do Legislativo Municipal no Recife, esperando contar com mais vozes e lutas se somando nessa caminhada conosco.

Em 2016 a gente já planejava esse mandato feito de forma diferente, com a participação radical de todas as pessoas que se dispunham a construir conosco. Dessa forma, contamos com centenas de pessoas nesse trilhar, com quem aprendemos a cada dia e com quem somamos esforços para encarar e tentar transformar esse cenário de desigualdade tão marcante em nossa cidade.

Apostamos na força da coletividade. Somente assim, chegamos em tantos lugares e alcançamos importantes conquistas. Com as trabalhadoras e trabalhadores do comércio informal, a gente afirmou e provou que Cabe Camelô na Conde; com a turma que luta pela democratização da comunicação, tornamos públicos os gastos da Prefeitura com propaganda e avançamos na consolidação da Rádio Frei Caneca; e com o povo da cultura garantimos que o Teatro do Parque volte a ser aberto à população. E foi assim com quem luta pelo direito à cidade, à educação, à saúde, na defesa das pessoas mais desassistidas e da comunidade pesqueira por uma cidade mais democrática e inclusiva.

Demos mais voz a quem defende os Direitos Humanos, trocamos saberes com a academia e com as comunidades tradicionais, buscamos a construção de propostas e o diálogo como ferramenta de incidência. Na institucionalidade, fortalecemos essas lutas, ao tempo em que propomos mais avanços e conquistas nas leis municipais; com o orçamento público revelamos os equívocos da prefeitura e apontamos alternativas para combater desigualdades. Acreditamos e vamos sempre defender que a política seja feita com transparência, sendo realizada com o coração aberto para as demandas das pessoas que atuam nos seus territórios.

Nós acreditamos que a política não deve ser profissão. Para a democracia funcionar, a gente precisa de alternância, de novas caras, de novas energias dentro do nosso campo ideológico. Mas também acreditamos que é preciso expandir e dar continuidade ao que foi iniciado. Por isso, a minha proposta e a proposta do coletivo que constrói esse projeto é a de cumprirmos dois mandatos de vereador e depois partirmos para outras frentes e novas batalhas.

Nesse sentido, esta carta pede licença ao povo recifense, às nossas companheiras e companheiros, para colocar esse corpo à disposição para seguir somando na Câmara Municipal do Recife a partir da renovação do nosso mandato.

Foram quatro anos intensos e cansativos, mas nos mantemos firmes na certeza de que os mandatos de esquerda são instrumentos fundamentais para trabalhar para e com o povo. E neste contexto, multiplicar sujeitas e sujeitos nos espaços de tomada de decisão é o caminho. Contem comigo. Vamos em frente, trabalhando firmes por esse Recife massa, gerando, rochedo e virado no mói de coentro!

Quem vem comigo, assina junto!

Todos os Posts
×

Quase pronto…

Acabámos de lhe enviar um email. Por favor, clique no link no email para confirmar sua subscrição!

OK

...