Voltar ao site

Debate sobre bustos de ditadores chega à Câmara do Recife

· Notícias,Sala de Imprensa

Entrou em discussão hoje, na Câmara do Recife, o requerimento que pede a retirada do busto do Marechal Castello Branco (o primeiro presidente da ditadura militar brasileira) da ponte da Caxangá. O requerimento é de autoria do vereador Ivan Moraes (PSOL) e, na semana passada, teve sua votação adiada após o vereador André Régis (PSDB) pedir vistas. Hoje, a votação foi novamente prejudicada, dessa vez por falta de quórum. A nova data é próxima segunda, dia 6.

“Foi feita uma homenagem no passado. Mas enquanto o busto permanecer lá, o personagem do ditador Marechal Castello Branco estará sendo homenageado por nossa cidade.”, defende Ivan.

A Comissão Nacional da Verdade, criada com a finalidade de examinar e desvendar as graves violações de direitos humanos praticadas no período da Ditadura Civil-Militar brasileira, emitiu 29 recomendações, dentre elas a que determina a mudança na denominação de logradouros, vias de transporte, edifícios e instituições públicas de qualquer natureza, sejam federais, estaduais ou municipais, que contenham nomes de agentes públicos ou de particulares que tenham participado ou praticado graves violações de direitos humanos durante o período da Ditadura Militar no Brasil.

No ano passado, as Juntas Codeputadas aprovaram um projeto que já foi sancionado pelo Governador do Estado, proibindo qualquer homenagem aos nomes presentes no relatório da Comissão da Verdade. Recentemente, após a morte de George Flyod, homem negro assassinado por um policial em Mineápolis, a discussão sobre os monumentos tomou o mundo. Em Londres, o Conselho municipal de manchester decidiu que vai revisar todas as estátuas na intenção de evitar qualquer homenagem ao período escravocrata.

Na Câmara do Recife, o debate foi intenso. André Régis, que já tinha lido o requerimento como perda de tempo, voltou a reforçar seu voto contrário. “A história passou, a gente tem que olhar pra frente”, disse o vereador. Segundo Ivan, este comentário é negacionista. O vereador Renato Antunes (PSC) também se colocou contra o requerimento e terminou sua fala com prestando continência.

Todos os Posts
×

Quase pronto…

Acabámos de lhe enviar um email. Por favor, clique no link no email para confirmar sua subscrição!

OK

...